Olá amigos!

Infelizmente não deu pra comentar esse capítulo antes que o 903 saísse, mas sinto que o fim de uma saga tão legal merece ter seu encerramento comentado! Então tô aqui escrevendo mesmo assim e dane-se…rs

Antes de começarmos, dá uma olhada nas minhas Primeiras Impressões feitas no CALOR DO MOMENTO em vídeo! Quem quiser, confira abaixo também!!

  • One Piece #902 – Adeus, Totland!!

 

Enfim, SIMBORA!!!

Pra celebrar o fim do Arco de Whole Cake Island, tivemos uma última página colorida celebratória e também uma capa da Jump com os personagens da revista vestindo as roupas uns dos outros e é claro que o Luffy foi o destaque!!

Ter o Luffy de Deku dá mais moral pra BHA ou ter o Asta de Luffy dá mais moral pra Black Clover? rs

Quanto a imagem colorida, será que foi digna de encerrar saga tão grandiosa?!

Sweets Busters!!

Sweets Buste…ZZZzzzzzZZZZzzz…. Putz, é divertidinha e coisa e tal, mas, fala muito sério!! Eu fiquei Dressrosa inteira esperando uma Imagem Colorida dos Donquixotes em toda sua glória e passei pela mesmo coisa durante toda Whole Cake só pra me decepcionar profundamente, então acho que eu tenho mesmo é que conformar que são as capas dos volumes que servem pra isso…

Só que antes de falar do capítulo em si, vou atualizar pra vocês a lista de capítulos que o Oda escolheu por alguma razão escrever romanizado mesmo e em LETRAS GARRAFAIS, são eles: “ROMANCE DAWN”(Cap. 01 mas com subtítulo em japonês), “GONG” (Cap. 15), “GREAT” (Cap. 30), “Rush!!” (Título não todo em maiúsculas do Cap. 176), “HOPE!!” (Cap. 199), “RED” (Cap. 204) e foi seguindo em “SOS” (Cap. 244), “JUNCTION“ (Cap. 252), “SHANDIA RHYTHM” (Cap. 277), “GOAL!!” (Cap. 312), “MAIN EVENT” (Cap. 313), “K.O” (Cap. 317), “MY FRIEND” (Cap. 471), “THE TIMES THEY ARE A-CHANGIN” (Cap. 572, com subtítulo em japonês), “NEWS” (Cap. 593), “SPECTRUM” (Cap. 596), “3D2Y” (Cap. 597), “ROMANCE DAWN for the new world” (Cap. 601 mas com subtítulo em japonês), “GAM” (Cap. 654 mas com significado em japonês em parenteses),“CC” (Cap. 653), “CANDY” (Cap. 665), “COOL FIGHT” (Cap. 667), “SAD”(Cap. 690), “TACTICS NO.5” (Cap. 778), “LUCY!!” (Cap. 789), “NATURAL BORN DESTROYER” (Cap. 866), “HAPPY BIRTHDAY” (Cap. 867), “BAD END MUSICAL” (Cap. 900) e chegando agora no “END ROLL” (Cap. 902! Ufa!

Conforme o Sunny vai saindo do território da Mama, temos o flashback do primeiro encontro entre Pedro e Sanji, quando o Mink Jaguar pediu que o Bando salvasse de qualquer forma os Reis do Ducado de Mokomo! Achei incrível o Oda incluir isso nesse ponto que é pra gente entender a grandiosidade do feito do “Bando do Chapéu-Voltinha” quando eles salvaram todo mundo em Zou!! É uma pena o Pedro ter morrido, mas foi pra permitir que os seus salvadores continuassem sua jornada e não só isso, pois ele acredita que eles serão os que guiarão o mundo até o seu “Amanhecer”!! É o que ele fala pro Perospero quando sai escoltado de Totland: “Pelo menos eu posso decidir onde irei morrer.”. Foda demais, amigos!!

“Não era aqui que você deveria morrer…
Tudo isso porque você veio com eles me buscar…”

Cena maravilhosa pra porra e era tudo que eu precisava em termos de “resolução” dessa questão! Deve ser difícil pro Sanjasso, que é um homem que está sempre disposto a se sacrificar pelo bem dos outros, saber que alguém perdeu a vida para ajudá-lo! O que nos leva a Carrot toda lindinha tentando consolá-lo sendo a coelhinha mais foda do mundo!!

“Não se sinta responsável por isso, Sanji!! (…)
Apenas… Lhe diga ‘obrigado’!!!”

Foi legal demais ela consolar o Sanji e também desabafar e deixar rolar toda a tristeza que ela tá sentindo e a resposta do Sanji já fecha toda essa questão com chave de ouro: “Eu sei muito bem o tipo de homem que ele era.”!! Esse capítulo inteiro foi direto nos feels e o Oda conduziu tudo muito bem, encerrando a coisa toda com mais um alucinante número musical enquanto os créditos do fim da saga se desenrolavam diante de nós!

“Soul Pocus, Soul Pocus ♪
São as palavras da alma! ♪

Um palco de mentiras
Armado por uma Mama voraz
Um teatro fantasioso
Destinado a separar ♪
O Príncipe distante da Princesa deslumbrante ♫”

“Seu doce lhe espera ao chegar
Mas se partir, a guilhotina há de cair ♪
E agora, quem irá prevalecer
Quando a cortina do maior dos espetáculos descer? ♫”

Enquanto o coro come, passa um FILME (a-há!! sacaram?! LOL) na cabeça de Pudding sobre toda sua vida, desde todas as ordens da Mama pra farsa toda, ela enganando o Sanji e então sendo finalmente conquistada por esse loirasso maravilhoso, chegando enfim no último desejo que tanto esperávamos ser revelado!! QUE CENA!!!

“Eu só queria, agora… Te fazer um pedido…!!”

tek tek tek tek…

“Obrigada… E adeus…”

Meus amigos… Quando li isso aí eu tava assim, ó:

Oda foi um MONSTRO nesse capítulo e a narrativa visual do filme foi pra acabar com tudo mesmo!! E o mais importante: ROLOU BEIJO, CARALHO!!!! Beijão gostoso na boca, delícia pura doce feito chocolate!!! Manda ver, Sanjasso!!! Pena que acabou esquecendo tudo…rs

Pra encerrar, vou deixar aqui embaixo o post que fiz no Facebook pra explicar de uma vez por todas que o apelido “Jiji’ pro Sanji é INVENÇÃO DE SCANLATIONS!!

 

Enquanto Pudding chora se lembrando de tudo que passou e a Germa 66 prepara sua retirada, voltamos ao Mundo dos Espelhos pra mais uma BOMBA DE SENTIMENTOS com essa cena linda da Brûlée indo cuidar de Katakuri!!

“Mas Brûlée… Isso de eu nunca ter tocado minhas costas no chão em toda minha vida… É uma grande mentira…!!”

“Sim, eu sei. Afinal, eu te espiava pelos espelhos.”

Hauauahuahuahauhua!! Katakuri chegou a ficar vermelho de vergonha LOL Totalmente bonitinho pra caramba mas ao mesmo tempo totalmente bizarra essa invasão de privacidade sem tamanho…rs

Mas uma das coisas mais legais que o Oda faz é humanizar seus vilões dessa maneira aí. Eles podem ser cuzões, assassinos e tudo que há de ruim, mas também tem pessoas que amam, sonhos, traumas e coisas que desejam proteger e sempre, sempre que o Oda manda um desenvolvimento desses, por mais curtinho que seja, fica fantástico!!

O Katakuri cagava e andava pra bocarra dele de enguia-pelicano e queria mais era enchê-la de donuts sem parar (LOL) e porrar todo mundo que o zoasse, mas foi só a irmãzinha sofrer as consequências disso tudo que a coisa mudou de figura!!

“Não está doendo nada… Irmãozinho…
Você é perfeito desse jeitinho mesmo!”

Que coisa mais lindinha de todo o universo essa Brûlée criancinha, meus amigos!! E acabou que aquele teoria da Mama ter feito a cicatriz nela foi pro espaço e acabou sendo mais legal ainda!! Também achei algumas reclamações sobre não ser plausível um bando de bandidos ralés atacarem assim a filha de um dos Quatro Imperadores, MAS, se o Katakuri tiver no máximo 10 anos aí, isso quer dizer que a cena aconteceu há 38 ANOS ATRÁS e é perfeitamente plausível que o lugar seja só uma parada na viagem da Mama ou uma ilha que estava prestes a se tornar parte do seu território. Eu fiquei bem de boa com a cena, o que me deixou meio encucado mesmo foi a semelhança desse menino aí com o Epoida…rs

Será? rs

Foi muito legal o “Você também consegue ver o futuro?” do Katakuri pra irmãzinha depois dela adivinhar que ele ficaria feliz ao saber que o Luffy havia escapado! Só que descarto COMPLETAMENTE qualquer suposição de que o Katakuri perdeu de propósito e etc, só sei que esses dois passaram a se respeitar PRA CARALHO durante esse combate e vai ser muito show ver um reencontro deles um dia!

No fim, nosso último vislumbre de Totland é a MAMA OBLITERANTE chegando com tudo e mostrando quem manda na porra toda!

DON!!

Foi bem amargo esse finalzinho com a gente não sabendo do desfecho do “escudo” do Bando que ficou pra trás pra eles escaparem! Será que a Mama ficou com a tecnologia dos Vinsmokes?! Alguém vai ter realmente morrido?! Se não, como essa galera escapou da fúria da Mama?! Muita perguntas que talvez a gente não tenha uma resposta tão cedo.

Pra acabar de vez nesse tom agridoce, não temos nem aquela festa de final de saga, só o Bando totalmente exausto querendo por fim comer a comida maravilhosa do Sanjasso!! Só que como o Oda não é bobo nem nada, fecha com chave de ouro mostrando o Baratie, lá no longinquo East Blue, preparando comidas pra piratas sob protestos de Patty & Karne!

Que piratas ilustres…rs

As duas cenas em paralelo, com o Sanji e o Zeff cozinhando pra quem quer que tenha fome só reforçam todos os temas dessa saga e tudo que o Sanji fez pra proteger quem é a FAMÍLIA DE VERDADE dele!!

É praticamente o Oda jogando na nossa cara que o homem que moldou o Sanji no que ele é hoje, que lhe passou todos os seus valores e princípios e foi a família que o amou de verdade, foi o Zeff e que seria impossível pro Sanji jogar tudo isso fora!! É UMA CENA FODA PRA CARALHO e encerra a saga com uma maestria assim que só o Oda é capaz!!! Obrigado, Oda!!!

“Eu cozinho pra quem tiver fome!!
Qualquer papo pode ficar pra depois!!”

Adeus, Totland!! Obrigado por tudo!!!

E vocês amigos?! O que acharam da saga no geral?! Pode abrir seu coração nos comentários e falar o que quiser, bora conversar!!!

Abraços!

Anúncios